sábado, 15 de janeiro de 2011

Adultos que Gargalham

Depois de uma série de posts existencialistas e dramáticos chegou a hora de alguma coisa mais light, mais povão, mais pobre, enfim. XD
Querendo eu ou não, o que acontece na minha vida acaba interferindo no que eu escrevo por aqui. Então, hoje vou falar sobre um assunto que acho intrigante. O Falso Moralismo.

100% dos humanos são falsos. Meu irmão diz algo que eu adoro, "todo ser humano é essência mais a circunstância. Ou seja, você pode ser a pessoa mais bondosa do mundo, mas se for conveniente naquela situação específica ser mal, você vai ser mal"
E é assim. E as pessoas ficam presas nisso. Doidera.
Esse que vos fala também faz. Todo mundo faz.
Quem nunca traiu e negou até a morte? Negou simplesmente por medo de encarar a realidade?
Claro que, compreender esses erros é metade do caminho. Previne que eles aconteçam de novo.

Essa parte do texto é para alguém que nunca vai ler, mas lá vai:
Você disse tanto de mim, e fez muito pior. Fica nesse personagem pros outros, e pra si mesmo, enquanto eu não me engano. Perdoe-me, mas você está numa fossa patética. Nunca teu erro vai cair à tona, e nunca você vai me pedir desculpas, mas pelo menos eu não me engano, nem engano ninguém. Não mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário